O que é fluxo de caixa?

Afinal, o que é fluxo de caixa? Fluxo de caixa é a movimentação de dinheiro entrando e saindo de um negócio, projeto, ou produto financeiro. Ele em geral é medido durante um período de tempo específico e limitado. A computação do fluxo de caixa pode ser usada para o cálculo de outros parâmetros que disponibilizam informações quanto ao valor e situação de uma empresa. O fluxo de caixa pode ser usado, por exemplo, para calcular parâmetros; ele informa os movimentos de caixa no período:

  • Para determinar a taxa de retorno ou valor de um projeto. O tempo de fluxos de caixa entrando e saindo de projetos é usado como entradas em modelos financeiros tais como taxa interna de retorno e valor líquido atual.
  • Para determinar problemas com a liquidez de um negócio. Ser lucrativo não significa necessariamente ter liquidez. Uma empresa pode falir por carência de fundos, mesmo sendo lucrativa.
  • Como uma medição alternativa dos lucros de um negócio, quando acredita-se que conceitos contábeis incrementais não refletem a realidade econômica. Por exemplo, uma empresa pode ser teoricamente lucrativa mas gera pouco caixa operacional (como no caso de uma empresa que antes permuta produtos do que vende-os por dinheiro). Num caso desses, a empresa pode estar derivando um caixa operacional adicional emitindo ações ou levantando um débito financeiro adicional.
  • O fluxo de caixa pode ser usado na avaliação da ‘qualidade’ da renda gerada por uma contabilidade incremental. Quando a renda líquida é composta por uma parcela significativa de valores que não sejam em dinheiro, ela é considerada de baixa qualidade.
  • Para avaliar os riscos contidos em um produto financeiro, isto é, atender às exigências de caixa, avaliar o risco padrão, exigência de reinvestimento, etc.

A noção de fluxo de caixa é baseada frouxamente nos padrões contábeis de lançamentos de fluxo de caixa. Ela é flexível, pois pode referir-se a intervalos de tempo abrangendo passado e futuro. Ela pode referir-se ao total de todos os fluxos envolvidos ou a um subconjunto desses fluxos. Termos do subconjunto incluem fluxo de caixa líquido, fluxo de caixa operacional e fluxo de caixa livre.

[tweetthis]O fluxo de caixa é a corrente sanguínea de todo negócio – particularmente startups e pequenas empresas.[/tweetthis]

A projeção de fluxo de caixa, ou gestão de fluxo de caixa, é um aspecto chave da gestão financeira de um negócio, planejando as suas futuras necessidades de caixa a fim de evitar uma crise de liquidez.

A projeção de fluxo de caixa é importante, pois se um negócio fica sem caixa e não é capaz de obter novos financiamentos, ele irá tornar-se insolvente. O fluxo de caixa é a corrente sanguínea de todo negócio – particularmente startups e pequenas empresas. Em vista disso, é essencial que a administração projete (anteveja) o que acontecerá com o fluxo de caixa, para ter certeza de que o negócio terá o bastante para sobreviver. A frequência com que a administração deve projetar o seu fluxo de caixa depende da segurança financeira do negócio. Se o negócio estiver em dificuldades, ou mantendo um olho atento em suas finanças, o proprietário do negócio deve estar projetando e revendo o seu fluxo de caixa em uma base diária. Porém, se as finanças do negócio estiverem mais estáveis e seguras, então uma projeção e revisão semanal do fluxo de caixa poderá ser adotada sem perigo.

[tweetthis]Ser lucrativo não significa necessariamente ter liquidez. Uma empresa pode falir por carência de fundos, mesmo sendo lucrativa.[/tweetthis]

Vejamos algumas das principais razões pelas quais uma projeção de fluxo de caixa é tão importante:

  • Identificar com antecedência quebras potenciais em balanços de caixa – pense na projeção de fluxo de caixa como um “sistema de alerta antecipado.” Esta é, de longe, a mais importante razão para uma projeção de fluxo de caixa.
  • Ter a certeza de que o negócio vai dar conta de pagar fornecedores e empregados. Fornecedores que não recebem logo irão fechar as portas para você; pior ainda é quando empregados deixam de receber em dia.
  • Detectar problemas com pagamentos de clientes – a preparação de uma projeção encoraja o negócio a medir a rapidez com que os clientes estão pagando o que lhe devem. Este não chega a ser um problema real para negócios (como varejistas) que realizam a maior parte de suas vendas através de cartões de crédito/débito no ponto de venda.
  • Como uma importante disciplina de planejamento financeiro – a projeção de fluxo de caixa é um importante processo de gestão, semelhante à preparação de orçamentos empresariais.
  • Alguns atores externos como bancos podem exigir uma projeção em base regular. Certamente, se o negócio contrair um empréstimo bancário, o banco desejará examinar a projeção de fluxo de caixa em intervalos regulares.

ABRIR UM NOVO NEGÓCIO

Plano de negócios

Começar do zero, abrir uma filial, comprar uma empresa aberta, entrar de sociedade, investir nos outros…
A ProLucro vai te auxiliar.
Saber mais

MELHORAR MEU NEGÓCIO ATUAL

VAMOS LÁ!

Organizar, crescer, aumentar o lucro, sair da crise, trabalhar com mais prazer, trabalhar menos, fazer minha sucessão…
A ProLucro vai te auxiliar.
Saiba Mais

CONSULTORIA ONLINE

VAMOS LÁ!

Conte com nossos profissionais para aumento do desempenho e sucesso do seu negócio.
A ProLucro vai te auxiliar.
Saiba Mais

SABER QUANTO VALE MEU NEGÓCIO

VAMOS LÁ!

Querem comprar meu negócio, às vezes penso em vender, tenho um investidor interessado, quero saber o valor da minha empresa…
ProLucro vai te auxiliar.
Saiba Mais

Compartilhe

Quer conversar com um consultor sem compromisso?

Quero!

Preencha nosso formulário, logo entraremos em contato.

Cadastre-se em nossa Newsletter

Receba dicas e novidades exclusivas da ProLucro direto em seu e-mail.